quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

3 Livros para os que amam poemas e poesias lerem no Kindle


Inicialmente tive muita resistência aos e-reader da vida, mas nada como um dia após o outro, com uma noite no meio. Hoje na minha bolsa pode faltar até dinheiro, mas um leitor digital dificilmente falta. O Kobo me acompanhou por mais de três anos em quase uma centena de livros, quando ele se aposentou por invalidez pifou o Kindle chegou em minha vida mostrando-se também um amigo leal para as idas e vindas em ônibus/metrô, filas gigantescas, manhãs/tardes preguiçosas e noites insones.

Quando o assunto é e-book é mais comum para mim investir em romances e calhamaços clássicos da literatura, de muitas formas o Kindle substituiu os "Sabrinas" da Nova Cultural. No entanto, recentemente a poesia invadiu os espaços do meu e-reader, se tornou frequente companheira nas minhas viagens para o trabalho e hoje é dia de compartilhar 3 dos meus e-books favoritos com suas respectivas sinopses. Todos estão disponíveis na Loja Kindle e no Kindle Unlimited, vamos a eles:

Arruada de Philippe Wollney: A obra arruada reúne poemínimos de temática diversa. Um leve-peso de debochada poesia. Sacadas poéticas, sacada poética. Poemas para muretas, barricadas, cartazes em dias de conflito. Poemas para escrever na parede do banheiro, no banco do ônibus ou tatuar no calcanhar. Assim são compostos os 60 poemínimos da arruada de Philippe Wollney.

Philippe Wollney é de nativo da cidade de Goiana, Zona da Mata de Pernambuco, ele é poeta, produtor cultural e pai de Nina. Coordena o selo editorial Porta Aberta pode ser encontrado em sua página no face do Porta Aberta e no Instagram @philippewollney. Link do livro AQUI.

“Alpharrábio” de Pierre Tenório: é a coleção de rabiscos poéticos desenvolvidos num período de dois anos aproximadamente, o livro é composto em sua maioria de haicais, tendo alguns poemas aleatórios entre um capítulo e outro que abordam temas diversos.

Nascido em Belo Jardim, Pierre Tenório, Poeta, cantor, performer e professor. Pode ser encontrado no Instagram @pierretenorio e na sua soundcloud. Link do livro AQUI.

"Sinto muito, minto" da Isiane de  Paula: Reúne poemas escritos entre 2009 e 2013, alguns retirados do blog "Pingos nos Isis" e outros inéditos. Está dividido em quatro partes: em I, confissões sobre desilusões amorosas; em II, o encontro de um novo amor; em III, filosofias sobre a vida e sobre o mundo; e em IV, uma auto-análise da autora, que sente muito e mente.

Isiane de Paula é de Vitória de Santo Antão, escreve desde sempre tentei encontrar mais informações sobre a autora, mas não tive lá muito sucesso então leiam o livro é uma fofura só, uma delícia! Link AQUI!

Todos os livros foram publicados pela Castanha Mecânica, a editora que ganhou meu coração muito facilmente por propor uma "Literatura de Desastres e alguma Esperança", mas não só por isso.


Tudo que tenho em minha estante publicado pela Castanha Mecânica é conscienciosamente bem feito. A editora diz o que é e escrupulosamente é o que diz, uma marca que "acredita no livro como um vetor de transmissão de afeto e como uma arma de luta". Desde 2016 a editora investe nos livros analógicos em livros com projetos gráficos incríveis estou amando explorar os trabalhos produzidos pelo Fred Caju, o editor. Para mais confiram o instagram do @caju.fred.
___________

P.S.: Esse post foi inspirado no post do blog Click Literário.


14 comentários:

  1. Todos os autores são pernambucanos ou é impressão? hehe
    Gostei muitos das sinopses e do fato de serem todos brazucas, vou anotar na minha listinha... ando meio relaxada no quesito poesia.
    Bjss

    http://www.cafeidilico.com

    ResponderExcluir
  2. Adorei as dicas, gosto bastante de poesia, mas confesso que não me aventurei em muitas XD

    Mas me tira uma dúvida... O Kindle vale a pena? Estou precisando de um e-reader, mas não consigo escolher qual. Dá para ler PDF normalmente por ele? Tenho muitos arquivos da faculdade em PDF e gostaria de um e-reader para facilitar um pouco a vida haha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vale sim,muitooo! E da sim para ler PDF, as vezes o PDF desconfigura, mas tem o Calibre que é um programa que converte o pfd para mobi(o formato que o Kindle ler). EU fui muito resistente, mas hoje sou super fã, vale muito a pena foi um dos melhores investimentos que fiz. Ele é muito fluido, leve.

      Excluir
    2. Obrigada por responder, ajudou muito =D
      Vou atrás do meu assim que possível... Esperar umas promoçõeszinhas, quem sabe haha.

      Excluir
    3. Dora, Pandora, experimentem o K2 PDF opt (http://www.willus.com/k2pdfopt/). A conversão do Calibre é boa, mas a página fica pequena. O K2 recorta as páginas no tamanho exato da tela do kindle e gira o pdf. Para ler, basta girar o aparelho, sem entrar no menu de configuração. Os cortes que o programa faz na página ficam perfeitos.

      Excluir
  3. Ainda não conhecia essa editora, mas confesso que depois do "acredita no livro como um vetor de transmissão de afeto e como uma arma de luta" a curiosidade bateu forte.
    Realmente, o Kindle é uma maravilha para as noites insones <3 . Foi graças a ele que comecei a me aventurar na poesia - Flora Figueiredo ainda é a minha autora favorita do gênero <3.
    Dos livros citados, "Sinto muito, minto" foi o que mais me chamou a atenção.

    Um super beijo e um ótimo fim de semana! :*
    www.inconstantecontroversia.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Olá, Pandora.
    O Kindle mudou minha vida. Eu passei a ler 60% a mais depois que comprei um. Ainda não entrei nesse programa do Kindle Unlimited porque tenho muitos livros físicos atrasados para ler, mas ainda um dia vou participar sim porque tem livros ótimos. Das indicações de hoje não sei se lerei porque não sou muito fã de poemas, prefiro ler ficção.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  5. Oi, Pandora!
    Menina, eu não sou uma pessoa de poesias e poemas :( Eu já tentei, mas não é minha praia.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe do Natal Literário e ganhe prêmios maravilhosos

    ResponderExcluir
  6. Oi Pandora.
    Eu tenho Kindle há três anos e somente do meio do ano para cá, que comecei a me acostumar com ele. Gosto muito da facilidade e leio bem mais rápido nele. Quanto as suas dicas: quando adolescente eu amava ler e escrever poesias. Muitas se perderam pelo caminho, mas ainda tenho algumas comigo, e de vez em quando escreve alguma coisinha kkk
    Mas no quesito leitura, faz tempo que não leio nada... Gostei das dicas e de conhecer mais uma editora. Bjus
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi Pandora, tudo bem??

    Eu até curto poemas, mas nunca me prendi em livros, gosto das poesias soltas que vou encontrando por ai... senti falta de uns quotes. Xero!!

    https://minhasescriturasdih.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Oi Pandora,
    Nossa ter um Kindle é um máximo né?
    Eu uso tanto o meu :D E uso de tudo mesmo, estudo, livros, estudo.... Ultimamente tem sido mais estudo mesmo kkkkkkk Bacana suas dicas.
    Bjos
    http://www.kelenvasconcelos.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Menina, meu sonho é ter um leitor Kindle. Eu uso o app pra Android no meu smartphone, e é meu companheirinho fiel. Adooooro!!!

    =)

    Suelen Mattos
    ______________
    Romantic Girl

    ResponderExcluir